Textos

Balada da Solidão 

Viver sem você, me angustia,
E essa angústia, noite e dia,
Faz de mim, triste pessoa.
Eu me achego, em pensamento,
Para ver, num só momento,
Se essa tristeza, também voa.

Voa, tristeza, para bem longe,
Não queira fazer, de mim, um monge,
Que cultiva a você, e à solidão.
Seja firme, meu pensamento,
Porque creio que o sentimento,
Seja forte polo de atração.

Eu a atraio, você bem sabe,
Que esse amor, que em mim não cabe,
Se expande, e cresce como o ar.
Para quê, vale essa vida,
Se bem perto da partida, 
Não se tiver amor pra dar?
elzio
Enviado por elzio em 30/09/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: raneko/flickr